Planejamento de e-commerce.

Por Thiago Maboni

 

Coach Education

Eu li esse artigo no site do Moip e achei super interessante para promover uma reflexão sobre o assunto. (https://moip.com.br/blog/como-montar-um-bom-planejamento-de-e-commerce-para-2017/)

Início e fim de ano é sempre a mesma coisa: fazer o balanço dos erros e acertos para, então, partir para o planejamento de e-commerce do próximo ciclo. Há quem diga que planejar é perda de tempo, que o importante é agir. Mas se você avaliar bem, sem planejamento, não sabe sequer para onde conduzir seu empreendimento.

É como pegar o carro e sair ao léu, sem destino certo. Uma hora o combustível acaba, o pneu fura, o motor funde e a viagem já era. Mas se você não for tão ansioso, pode fazer uma viagem maravilhosa com seu e-commerce. Que tal começar agora? A seguir, listamos alguns passos simples que podem ajudar bastante. Confira!

Analise o ano que passou

Todo planejamento estratégico de e-commerce deve começar com uma avaliação honesta e detalhada do ano que passou.

Estabeleça novas metas

O início de ano é sinônimo de novo fôlego para recomeçar! No seu planejamento de e-commerce, reveja os objetivos anteriores e se eles continuam de pé.

Identifique seus KPIs

Os famosos KPIs, que também são conhecidos como indicadores de performance, são fórmulas matemáticas que ajudam a compreender quanto falta para atingir uma meta ou o desempenho de uma atividade ao longo do tempo.

Explore as datas comemorativas

Muitos e-commerces deixam para pensar em estratégias de aumento de vendas para as datas comemorativas quando elas já estão muito próximas, o que pode comprometer o desempenho das campanhas de marketing.

Defina os meios

Opções existem aos montes para que você coloque sua estratégia em ação. Mas tome cuidado com um fator essencial para seu sucesso: o comportamento do consumidor.

Estipule seu orçamento

Ter um planejamento orçamentário no e-commerce é tão importante quanto cuidar do seu fluxo de caixa durante o ano todo. 

Diversifique os canais

Planejamento estratégico também serve para identificar oportunidades, como a diversificação dos pontos de contato com clientes e consumidores.

Revise sua política de pagamentos

Oferecer diversas opções de pagamento é um grande atrativo para o e-commerce.

Dê uma geral na logística

Somado aos prazos de entrega, o preço do frete pode ser tanto um fator positivo quanto negativo para seu e-commerce.

Fique ligado no financeiro

Assim como o orçamento, o planejamento financeiro é um dos pontos vitais para ter sucesso nas vendas e no faturamento. 

Tags: E-commerce, indicadores de performance, empreendimento.

Compartilhe